quarta-feira, 26 de março de 2008

De borla ou in da club

Como uma das críticas que habitualmente se fazem aos críticos do status quo leonino é o negativismo puro dou uma de borla para o Franco, o Bento e o Garção. Jogar-se-á bom futebol, o estádio estará cheio e tolerante com os erros da equipa e a divida diminuirá. A coisa é simples e faz-se em três partes. Não é nada que não tenhamos já aqui referido mas repetimos de novo:
  • Plantel - É correr com os marrecos, os emprestados, os ostracizados e os inúteis: Stoijkovic, Gladstone, Ronny, Farnerud, Izmailov, Celsinho, Purovic, Derlei e Tiuí. No meio campo para além dos seis que estão aqui em baixo fica o Romagnoli e com alguma sorte vem o Rochemback (se não vier este tenta-se o Hugo Viana). No ataque Liedson e Vuk fazem de ama seca a Djalo, Paez e Saleiro. Na defesa a direita fica como está e entra o Carriço e o Tiago Pinto. Contrata-se um único reforço (para além do Rochemback): Grimi. Alguém pode dizer que este plantel é pior do que o deste ano?
  • Finanças - Gastam-se três milhões com o Grimi. Entra um se algum dos que é suposto ficar for vendido. O dinheiro desse gajo vai todo para pagar a divida. Com os marrecos, os ostracizados, os inúteis e os emprestados (os nossos) poupa-se nos salários e com alguma sorte o dinheiro (pouco) das respectivas transferências dá para pagar o Grimi.
  • Comunicação -Faz-se uma campanha para as novas Gameboxes a imitar o video do 50 Cent que podem ver aqui em baixo: a academia como um laboratório de talentos. A metáfora do clube que levou oito balas mas que depois de travessar um período no laboratório em recuperação e reconstrução se tornou numa máquina de jogar à bola. Para mostrar que a malta tem sentido de humor e aceita bem a crítica convida-se o Valete, (ou o Óculo Verde) para fazer o som do anúncio (e obriga-se o gajo a dizer bem do Pereirinha e do Djaló!) Manda-se a campanha de novos sócios à fava. Dá-se a todos os sócios 20% de desconto na Fan Lab, que se transforma também numa loja de artigos para a prática desportiva. Chega-se a acordo com os cinemas Alvaláxia para os sócios terem o direito a ver uns quantos filmes de borla por ano (tipo um por mês, mas isso logo se vê, não vale a pena ser picuinhas com estas merdas ).


5 comentários:

mpre27 disse...

Vocês não param! Uma semana sem net, chego aqui e toma lá 500 postas! Bem-hajam!

Plantel: juntava-lhe o Paim e o Celestino. Dispensava o Rocha.

Finanças: Pra mim também tava bem assim.

Comunicação: juntava o direito a uma visita ao balneário das chearleaders na hora da banhoca.

Luizinho disse...

Caro Mpre,

O Paim e o Celestino também entram no meu plantel. Já tinham era sido referidos na posta aqui em baixo. Mas é sempre bom saber que não estamos sozinhos no mundo. Quanto ao Rocha se fosse um custo zero mesmo zero seria uma boa escolha porque tanto defende (mais ou menos, apesar de ser trinco de origem) como ataca e daria algum peso ao meio-campo. Mas por mim se houvesse dois ou três milhões vinha mesmo era o Hugo Viana. Tremo só de pensar na hipótese de o ver a substituir o Rui Costa no Benfas para o ano. Hipótese que acho mais plausível do que a especulação que se tem gerado em torno do Carlos Martins.
Um grande bem hajas.

Luizinho disse...

E quanto às chearleaders para além da ideia do banho, aqui sim, e sem desprimor pelas moças, trocava-as pelas da Carlsberg.

Pantera disse...

Eu sei que tu sabes que, mas quero que fique aqui registado para o bem ou para o mal:

- Stoijkovic: não despachava o homem, acho que foi uma boa contratação e gostava que ele fizesse os jogos das taças. O pior foi a má gestão feita nos guarda-redes esta época;

- Gladstone: não há muito a dizer, é caro para o que é, por isso pode ir andando;

- Ronny, Farnerud e Tiuí: plenamente de acordo. Já vão tarde...

- Izmailov e Celsinho: aqui estamos em perfeito desacordo. Por um lado o Izmailov é um bom jogador, com provas dadas já no Sporting. É um investimento seguro, ao invés de ir contratar outro cepo. Quanto ao Celsinho já sabes que acho que pode vir a ser um grande jogador...se não for no Sporting será noutro clube.

- Purovic: Se o Sporting jogasse com extremos, por mim podia ficar. O certo é que é tosco mas sempre vai mandando umas "batatinhas" lá para dentro;

- Derlei: Se houvesse garantia que volta ninja, também seria para manter...caso contrário está a ocupar uma vaga;

Luizinho disse...

Pá,

Quanto ao Izmailov estou de acordo. Acho é que os 4 milhões são muita fruta para a irregularidade que tem demonstrado, e para um meio campo com oito jogadores, onde para além dos seis "jovens" e do Romagnoli se poderia acrescentar o Rocha a custo zero, já estaria a mais. Não esquecendo que o Vuk também poderia eventualmente colmatar uma lacuna eventual. O Celsinho é um mistério e o critério aqui era fazer algum dinheiro. Mais uma vez o meio-campo estaria bem constituído sem o homem e as finanças seriam melhoradas. E não te esqueças que para Nº10 para além do Romagnoli, do Moutinho, O Pereirinha e o Paím também podem fazer a posição, não esquecendo que o Ibrahim para o ano já é júnior de segundo ano. É muita gente.
O Stoijkovic entra no critério dos ostracizados. Apesar de concordar que a situação dele foi mal gerida, depois da entrevista do "irmão" tem que ser corrido. Para além de ser um imbecil, as últimas declarações mostram que é demente (ou então é como o Vukcevic e não vê os jogos das outras equipas).
O Purovic é tosco e acho que o Saleiro ou o Paez podem fazer melhor que ele. Mais uma vez pode dar para fazer algum dinheiro.
O Derlei, tenho pena, mas poderia apesar de tudo ficar com uma redução substancial do salário ou então com um contrato à Vieri na Fiorentina. De qualquer forma o meu ataque para o ano seria Vuk e Liedson e depois Djaló, Saleiro e Paez. Já são cinco.
O critério aqui é fazer algum, se calhar pouco, dinheiro com estes gajos todos a ver se não temos que vender ninguém realmente importante. Daí também a visão minimalista das contratações.