segunda-feira, 7 de maio de 2012

Hora de balanço

O final da época avizinha-se. Está na hora de procurar fazer o balanço do mandato de Godinho Lopes à frente do Sporting. Está na hora de dissecar a legitimidade da imagem de grande determinação, capacidade de liderança e de organização, projectada e construída para eleitor ver. Está na hora de lembrar quem se foi e quem ficou. Está na hora de recordar promessas incumpridas e, eventualmente, cumpridas, propósitos frustrados e bem sucedidos, apostas ganhas e perdidas. Está na hora de, sem preconceitos, colocar em cima da mesa, para discussão, os custos desta política e os seus benefícios. Está na hora de avaliar as capacidades e incapacidades individuais reveladas no exercício do cargo. Friamente.
A crise no Clube era grande (Godinho Lopes não se cansou de lembrar os Sportinguistas disso mesmo durante a campanha) e, hoje, como está? O que mudou?
Se os tempos, antes de Godinho Lopes, eram maus, os factos vão-nos demonstrando que a janela de oportunidadde se está a estreitar e que nada até agora indica que as condições não se vão tornar piores.

4 comentários:

trufas disse...

ótimo blog, parabéns...

David J. Pereira disse...

Troca de links?

http://davidjosepereira.blogspot.pt/

Depois dêem lá a resposta ;)

Anónimo disse...

Pelos vistos há mais quem pense que está na hora de balanço...

mdf disse...

Uma achega para esta reflexão...
http://www.tsf.pt/PaginaInicial/Desporto/Interior.aspx?content_id=2534762&tag=Sporting