terça-feira, 6 de julho de 2010

Vender em baixa

Diz o senso comum que para fazer um bom negócio é preciso comprar em baixa e vender em alta. No Sporting, ou melhor, na SAD, fazem tudo ao contrário. Confirma-se o novo contrato de cedência dos direitos televisivos do futebol, à PPTV, do grupo Controlinveste, propriedade de Joaquim Oliveira, o tal que é também proprietário dos três jornais para onde o FCP sopra as notícias e de 30% da "nossa" SAD. A venda dos direitos até 2017/1018 foi feita por 108 milhões, o que dá os tais 15 milhões por época. O Benfica está a pedir pelo menos o dobro e arrancou com uma exigência de 40 milhões. Agora, a questão que se coloca é saber quem é que no seu perfeito juízo vai renegociar um contrato que era válido até 2013 num momento em que o clube está no lodo e, por conseguinte, as audiências estão em baixa? Que raio de gestores são estes? Por um lado, dizem-nos que vamos ser campeões por outro e nas medidas de gestão fica claro que eles próprios não acreditam nisso. Ou alguém que espera ser campeão nos próximos dois anos vai renegociar um contrato quando está em baixa em vez de o fazer quando tem mais poder negocial? Mais um belo negócio, a acrescentar a uma infindável lista. O Santander não o quer de volta?

6 comentários:

Anónimo disse...

É pá, só me apetece dar lastro a "um diz mata, outro diz esfola."

E que dizer de sermos os primeiros a concluir a negociação? Os 15 milhões passaram a ser indexante dos mínimos dos mínimos que o Porto deve obter e que o Benfica pode duplicar.

O gajo - JEB - nem nas áreas em que é suposto ser competente acerta uma.

Um tratante - JEB - e uma besta intratável - C - juntos fazem temer o pior.

Bin Laden disse...

Venho dar-vos a notícia do aparecimento dum novo blog sportinguista

http://sporting74.blogspot.com

Obrigado e Saudações Leoninas

Mercado Sporting disse...

Nasce hoje um novo espaço leonino na blogosfera, toda a ajuda para a divulgação é bem-vinda, obrigado. Visitem em:

Mercado Sporting

Petinga disse...

Acho que ainda mais grave do que a pessima negociacao, e o facto de se estar outra vez a hipotecar o futuro. Tantas vezes ouvimos Soares Franco queixar-se de que os direitos televisivos estavam vendidos por baixo ate 2013 e que isso retirava ar ao Sporting. Agora que estavamos finalmente a aproximar-nos do fim do sufoco vem este gajo e vende ate 2018, nas condicoes em que referes.

Eles vao continuando a destruir o Sporting. E nos vamos deixando.

Bin Laden disse...

Benfica e Porto escalpelizados por aquilo que, respectiva e efectivamente, são: "uma doença mental" e "um complexo de inferioridade"...

Toda a Guerra Santa em
sporting 74.blogspot.com

Saudações Leoninas!

Anjo Exterminador disse...

O Santander deve estar a pensar que com a crise no sector bancário o melhor é que seja o Sporting a ir aguentando o encargo. Uma espécie de empréstimo topas... Duvido é que depois de acabar a "rodagem" volte para o clube que o formou!